sexta-feira, 2 de abril de 2010

Detalhes e Curiosidades de 610 - "The Package"

Apesar de não ser um episódio dos mais aclamados pelos fãs, "The Package" trouxe algumas dicas e curiosidades que podem ser muito importantes nos próximos 6 episódios que antecedem o Series Finale.

Entre os detalhes, abro espaço para algumas considerações e pequenas teorias e questionamentos que tenho certeza renderá bons debates nos comentários.

Então, sem mais nada a dizer, vamos aos detalhes de "The Package"!

- Afasia de Sun: vi muita gente comentando sobre o fato de Sun não falar inglês depois de bater a cabeça na árvore, mas entender e escrever. A afasia pode afetar qualquer um, ou todas as formas de linguagem. Então, não seria incomum uma pessoa não conseguir falar, por exemplo, mas ler, compreender e escrever sem problemas. Assim, parem de procurar por "defeitos" irrelevantes em episódios que podem ser bem apreciados...


- Sun e o espelho: ok, primeiro foi o Jack naquela cena no banheiro do avião, depois Sawyer quebrou um espelho, e agora é a Sun olhando para o espelho como se algo estivesse "diferente". Tenho a impressão de que os losties tem pequenos "dejá vu" ou algo do tipo... O que vocês acham?


- Mikhail e seu olho: para ser sincero acho que foi apenas uma daquelas brincadeiras que os produtores fazem com os fãs. Imagino eles pensando "Jin vai dar um tiro no Mikhail", e outro vem com a idéia "Claro! Ele acerta bem no olho...". Bom, não acho que tenha algo a mais. Porém, vamos ver.


- Sayid soltando Jin: achei interessante a cena com Sayid soltando Jin no restaurante ao relembrar da 1ª temporada, quando Sayid prende Jin na fuselagem do avião com as algemas, justamente por causa do relógio! Foi uma inversão daquela cena. Achei interessante, fiz a relação, mas vai saber se foi algo proposital!


- A Sala 23: revisitamos a "Room 23" onde Karl, namorado de Alex, era submetido a uma espécie de "lavagem cerebral" ou como chamou Zoe, "experiência com mensagens subliminares". A sala foi também tema de um dos mobisódios do "Missing Pieces", o "Room 23", que mostra algo que Walt fez...


- Ji Yeon: cena bem bacana essa do Jin vendo sua filha pela primeira vez na câmera que Widmore encontrou no avião da Ajira. Daniel Dae Kim sempre mostra seu potencial como ótimo ator quando tem oportunidade...


- "Se ele sair, tudo deixará de existir!": e agora!? Para falar a verdade, essa frase de Widmore me assustou um pouco e ao mesmo tempo me alegrou por mostrar que o Monstro é algo bem diferente daquilo que Jacob explicou para Alpert em "Ab Aeterno". Tudo bem, algo muito ruim pode acontecer se o Monstro sair, mas não necessariamente ele seja o "Mal"...


- Cerca sônica contra um "fantasma"!?: desde a 3ª temporada conhecemos a barreira que impedia o Monstro de invadir a DharmaVille. Agora vemos que Widmore armou uma espécie de "barreira portátil" para se proteger do Monstro, mostrando que sabe muito bem o que está enfrentando, não sendo apenas "uma combinação de mitos, histórias de fantasmas e barulhos na floresta". Mas fiquei pensando no seguinte: se o Monstro é algo sobrenatural, qual a lógica de se usar uma barreira magnética para impedir sua passagem!? Estranho! Então, tenho quase certeza que o Monstro é algo físico, não algo sobrenatural. Algo aconteceu com o Inimigo de Jacob na Ilha que lhe deu tal característica.


- "Não posso simplesmente sair voando!": a melhor piada do episódio, Sawyer pergunta porque o FakeLocke não vira fumaça e simplesmente voa até a Ilha Hydra!? Sensacional! Mas sempre tem algo a mais nessas piadas. O próprio FakeLocke diz que se pudesse, já teria feito isso. Ou seja, claro que veremos o motivo que "segura" o Monstro na Ilha...
* Teoria: a única maneira do Monstro sair é levando com ele todos os Candidatos ou se todos eles estiverem mortos!


- Zoe, a Geofísica: ah, agora sim fiquei feliz. Alguém na Ilha poderá ser a porta-voz da lógica. Sim, tenho noção de que a fé/destino será relevante no final, mas depois de Faraday, tenho agora em Zoe minhas fichas para explicações bacanas sobre o que a Ilha tem de importante. Foi legal também a relação de Jin com os mapas da Dharma, identificando os locais dos bolsões eletromagnéticos, que devia ser uma das funções dele quando estava "infiltrado" por lá. Como disse minha amiga Karen Aguiar em seu blog, o Defenda a Ilha, "Widmore é um homem de negócios sensato e prático que não voltaria para a Ilha se não tivesse grandes fontes reais e interessantes a serem exploradas. Ou alguém acha que ele voltou lá para salvar o mundo da maldade? Bá!". Concordo!


- O pacote! até que enfim Desmond está de volta. Para mim foi uma surpresa ser ele o "pacote" que Widmore escondia. E ainda mais interessante é tentar imaginar como Widmore usará Desmond para derrotar o Monstro. Bom, esse deve ser o motivo que fez Widmore raptar Desmond e levá-lo para a Ilha, certo!? Vale sempre lembrar que Faraday disse para Desmond, em um dos flashes, que ele era "especial porque as regras não se aplicavam a ele". Isso me deixou muito curioso sobre a função de Desmond, que como Ms. Hawking tinha adiantado: "a Ilha ainda não terminou com você, Sr. Hume."...

Imagens: LOST-Media

O Dude We Are LOST tem um post de easter-eggs bem completo também! Vale dar uma olhada...

Sinceramente espero que esses detalhes tenham mudado um pouco a percepção e avaliação de alguns fãs sobre o episódio. Acho que tivemos muitas coisas bacanas e que, se não são "relevantes" no momento, serão no futuro. O exemplo que sempre uso é o da Kombi Dharma e o esqueleto de Roger que Hurleu encontra em "Tricia Tanaka Is Dead", na época muita gente criticou o episódio, mas tudo ali teve uma importância no final da temporada.

Alguns detalhes podem ter passado desapercebido, então se você encontrou algo mais é só compartilhar com a galera nos comentários...

Grande abraço e namastê!

Leco Leite

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.

 
who"s online

counter hit make

PageRank Free counter and web stats