quarta-feira, 14 de abril de 2010

612 - "Everybody Loves Hugo"

O amor segue como tema muito forte na atual situação de LOST. As conexões entre as duas realidades começam a nos fazer pensar ainda mais sobre o que está acontecendo não só na Ilha, mas também nos (antes) criticados flash-sideways. O que podemos ter certeza, é que faltando apenas 4 episódios para o dia do grande Finale, tudo se torna ainda mais relevante. E pior, ainda seguimos "perdidos" sem saber ao certo o que estamos presenciando. Mas temos a certeza de que estamos chegando ao final, pelo rumo que os losties estão seguindo em suas decisões.

"Everybody Loves Hugo", na minha opinião, deu o verdadeiro início aos eventos que nos levarão ao grande momento final, onde tudo se encaixará e então teremos um quebra-cabeça montado. Montado de tal forma que, mesmo completo, ainda deverá nos deixar buscando por respostas. Respostas que deixarão LOST eternizada, ainda mais, em nossas mentes apaixonadas por essa série.

E o episódio?

Como já era esperado, Desmond começa sua busca pelos passageiros do Oceanic 815 e já encontra Hurley e Locke.

Em Hurley, apenas plantou uma dúvida sobre o que Libby havia dito no restaurante. Libby, aliás, teve uma visão mais clara da outra realidade, vendo eventos grandes, como a queda do avião. Diferente de Charlie e Daniel, que sentiram algo ao encontrarem Clarie e Charlotte. E Hurley "viu" o outro lado ao beijar Libby na praia! Assim como Desmond, teve flashes de sua ligação, e porque não sua "constante", na realidade da Ilha...

Já Locke não teve o mesmo "prazer" ao ser visitado por Desmond e acabou atropelado pelo "brotha"! Em situação bem complicada, Locke pode morrer no flash-sideway, trazendo a questão levantada pelos produtores sobre "o que acontece se a pessoa morre no flash-sdeway!?". Esse é uma grande questão que fica para essa reta final...

E falando em mortos, ainda segue curiosa a "coincidência" de que os mortos da Ilha são aqueles que tem flashes antes (Charlie, Faraday, Libby) e estimulam os outros sobreviventes a "lembrar" da outra realidade. O "dejá vu" segue trazendo grandes momentos.

Ainda com os mortos, temos a grande resposta do episódio: os Sussurros! Através de Michael (sim, o pai de Waaaaaaaaalt...), descobrimos que os sussurros na floresta, que estimulou tantas teorias, são na verdade os mortos presos na Ilha. Fico satisfeito, por ser uma das possibilidades levantadas por muitos fãs. Era, com certeza, a saída mais simples para tal mistério. Mas pelo menos, temos mais uma questão para riscar...

E não é apenas porque Hurley era o personagem central do episódio que "liderou" os eventos na Ilha. Ele é no momento o grande líder de um grupo que não sabe ao certo o que fazer. Tanto Jacob, quanto MIB, disseram para Alpert (em "Ab Aeterno") que não dava para explicar o que é certo ou errado, cada um tem suas escolhas. Hurley acreditou que o certo a fazer era acreditar em Michael, e deu uma de John Locke explodindo tudo que fosse gerar um risco para o grupo, na idéia de ir até a ilha HYDRA e destruir o avião da Ajira, como acabar com uma possibilidade de saírem de lá. E ainda pensou que o melhor a fazer era conversar com o MIB, e não apenas aceitar que ele é o "vilão" de tudo. Muito bem, Hurley, muito bem!

Agora o Monstro tem o que quer, reuniu os Candidatos e tem sua "bagagem" preparada para sair da Ilha. Por outro lado, terá que enfrentar Widmore na HYDRA. O que parece não agradar muito ao Monstro. Ele talvez esteja mais confiante, agora que acredita ter dado um jeito na principal arma de Widmore, ao jogar Desmond em um dos poços cavados para encontrar a origem do eletromagnetismo. (Eu tinha escrito que aquele poço era o da Orchid. Corrigido!)

Tenho que dizer, nessa o Monstro parece ter errado! Afinal, naquele poço existe uma saída da Ilha. Sabemos que a Ilha pode ser movida naquele espaço, com a roda congelada. Mover a Ilha não dará ao Monstro a liberdade. Mas alguém aqui pensa que Desmond pode mover a Ilha!? A energia existente naquele local da Ilha, junto com Desmond, será o grande evento cataclísmico comentado por Faraday no flash-sideway!? Ou temos mais opções?

A verdade é que "Everybody Loves Hugo" foi um grande episódio, mais um nessa temporada excelente que encerrará a trama de LOST. Vários elementos da série presentes e nos levando de encontro ao grande evento final de deveremos testemunhar em pouco mais de 1 mês. A ação apenas com as explosões, que aliás nos levou Ilana...


Bom, fico por aqui. Na verdade eu só queria escrever algumas impressões sobre o episódio, e só complementar após ter revisto. Mas me empolguei, acabei deixando a emoção e as questões que tivemos guiar o texto. Espero que tenham gostado. E que estejam satisfeitos com o episódio. É aquele momento estranho, que sabemos que alguma coisa vai fazer falta e não podemos fazer muito, a não ser aproveitar o tempo que nos resta juntos...

Dê sua nota na enquete e continue ligado no Teorias LOST para os outros posts sobre "Everybody Looooooooooves Hugo"!

Grande abraço e namastê!

Leco Leite

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.

 
who"s online

counter hit make

PageRank Free counter and web stats