quarta-feira, 4 de março de 2009

508 - "LaFleur"

"LaFleur" não foi o melhor episódio da série ou da temporada, mas dificilmente alguém não irá gostar do episódio. Diria que foi o episódio mais light da temporada, o que foi muito bom no momento. Tirando um pouco da tensão gerada pelos episódios passados e seus "saltos temporais"...


Foi o típico episódio de transição entre arcos da trama. Um arco que entramos desde que a Ilha foi movida por Ben até que Locke finalmente terminou o serviço, acabando com os "saltos no tempo" de forma simples e sem relação com a volta dos "Oceanic 6", que devem ter algum outro papel para "salvar os que ficaram". Entramos em um novo arco que deve guiar a temporada até o Season Finale: a DHARMA INITIATIVE!
Assistindo esse episódio me lembrei de "Tricia Tanaka is Dead", o décimo da 3ª temporada, aquele em que Hurley encontra a Kombi com Roger "pai-de-Ben" Linus, Sawyer e Kate retornam para o acampamento depois de estarem presos na outra Ilha na estação HYDRA... Aquele também foi um episódio de transição na temporada, abrindo o caminho para os eventos daquela temporada, com o Roger e a Kombi. Bom, talvez tenha sido só eu que pensei nisso...

Deixamos a ciência e a fé de lado, mergulhando novamente nas relações entre os personagens. Pelo menos sempre foi assim que os produtores viram e divulgaram a série. Além dos mistérios, ciência e misticismo, LOST é uma série sobre os personagens!

E não há personagem melhor na série do que Sawyer! Claro, isso é questão de gosto. Mas que outro personagem assumiria a situação de ter colocado em risco um acordo de Paz entre a DHARMA e os Hostis e tentaria arrumar as coisas!? Somente Sawyer!!
Conseguiu em apenas uma atitude conquistar a confiança da DHARMA e de Alpert. E mais uma vez LOST nos deu um diálogo bem bacana...
Sawyer conquistou tudo que pode em "LaFleur", inclusive Juliet!

Assim chegamos à DHARMA e devemos começar uma viagem pelos seus segredos, que foi o prometido antes da temporada começar. Essa é a temporada da DHARMA INITIATIVE. Nesse início, nada muito novo. Já conhecíamos as Kombis, as estações, a cerca e alguns personagens. Mas conhecemos Amy, que teve seu filho na Ilha e nos faz pensar quando começaram os problemas de gestação por lá! E seu filho terá alguma relevância!?

"Todos os caminhos nos trouxeram aqui", disse Jack para Locke em "Man of Science, Man of Faith". E tudo o que aconteceu, com os saltos e as visitas pelo tempo, os levaram para a DHARMA. Foi a forma como fomos conduzidos até o momento onde as coisas devem começar a fazer sentido.
E dou mais alguns pontos para os produtores, que ao invés de simplesmente nos mostrarem os segredos e mistérios de LOST com flashbacks ou flashfowards, vão nos dar as respostas conforme acompanhamos os personagens que estamos muito bem acostumados a seguir desde de 22 de Setembro de 2004! E fico cada vez mais convencido de que muitas das situações ocorridas na Ilha tenham relação com os losties...

E para terminar, mas isso foi no início do episódio, tivemos a excelente visão da estátua!! Pelo jeito, me parecia uma mulher. Mas vai saber...

Bom, por hoje é isso, vamos agora esperar pelos Detalhes de "LaFleur" que são bem bacanas. E além dos detalhes, teremos o Podcast Teorias LOST comentando "LaFleur" e também o que ficamos devemos "The Life and Death of Jeremy Bentham"...

Enquanto isso, participem na enquete e deixe sua nota para o episódio!



Grande abraço e namastê!

Leco Leite

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.

 
who"s online

counter hit make

PageRank Free counter and web stats