quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

507 - "The Life and Death of Jeremy Bentham"

Esse sim foi um episódio especial. Fantástico. E o coloco juntos aos episódios que se aproximam de "The Constant" em minha lista pessoal.


Antes de seguir com os comentários, preciso relembrar um trecho de uma teoria que escrevi no dia 15 de Fevereiro...

"[...] Então... para mim, Ben encontrou Locke (como ele mesmo disse para Jack), e Locke acabou contando para Ben que deveria levar os que saíram de volta para a Ilha e procurar uma mulher chamada Eloise Hawkings. Mas Locke teria prometido para Jin que não levaria Sun, por isso ele não a procurou.
Ben mata Locke (ele já tentou isso uma vez na Ilha) e segue as orientações que o careca recebeu de Christian Shephard antes de mover a Ilha.[...]"




Não há em LOST momento melhor que ver as peças se encaixando. Quando tudo começa a ficar claro, ficamos felizes por continuar seguindo a saga dos sobreviventes do Oceanic 815. Foi o episódio que não só apenas levou John Locke de volta a Ilha, mas nos trouxe de volta o "velho John Locke" que todos gostavam na 1ª temporada. Vivo ou morto, no momento tanto faz, mas ele vai recomeçar sua "união" com a Ilha...

Seguimos o caminho de Locke desde sua saída da Ilha, chegando no meio do deserto assim como Ben. Mas dessa vez o local estava sendo vigiado por Charles Widmore!
Foi sensacional o encontro dos dois e como Widmore achou fascinante rever Locke 54 anos (4 dias para Locke!) depois do primeiro encontro entre eles. Widmore anuncia que uma guerra está a caminho... Algumas respostas vieram junto com esse encontro. Descobrimos que Widmore era líder do povo da Ilha e foi enganado e exilado da Ilha por Ben, e que Matthew Abaddon trabalha mesmo para Widmore e não tem nada demais, apenas segue as ordens do chefe...

Charles Widmore sai do grupo de "vilões" no momento...

As visitas de Locke aos que saíram foram legais, mas nada que mereça por enquanto uma grande atenção. De interessante mesmo, apenas o reencontro com Waaaalt, Hurley pensando estar falando com mais um morto e Jack ouvindo a frase "We have to go back!"...

Vilão mesmo se chama Benjamim Linus!!

Se Locke tivesse conhecido Ms. Hawking saberia que Ben "provavelmente estaria mentindo". E Locke se mostrou mais uma vez perdido, confiando em todos e não tomando partido de um lado. O que o levou a morte. Ao mesmo tempo que adorava Ben matando Locke (por ter escrito sobre essa teoria), estava em um momento de "não acredito"!! Mas Locke teve nas mãos de Ben, o mesmo fim que seu pai teve nas mãos de Sawyer!

Como já havia dito, Ben sabe muito, mas não tudo. Ele pode ter conhecimento, mas nem sempre sabe como usá-lo. Se todos estão mesmo em um "grande jogo" valendo algo que ainda nem imaginamos o que seja, Benjamin Linus e Charles Widmore conhecem todas as peças, mas um depende do outro para saber qual será seu próximo movimento...

Na Ilha, vemos que a probabilidade de estarmos no futuro é muito grande, já que Caesar encontra o Diário de Faraday um tanto quanto destruído. Além disso, é ele também que explica o acidente, deixando claro (ou "clarão") que Hurley, Jack, Kate, Sayid e Sun saltaram no tempo, para o passado na época da DHARMA, enquanto o avião cai e deixava alguns feridos. Entre eles, Benjamin Linus!!


Hoje não vou deixar algumas considerações ou perguntas do episódio. Vou deixar isso para depois, quando rever o episódio e tiver "algo mais" para escrever. Mas a cobertura de "The Life and Death of Jeremy Bentham" continua aqui no Teorias LOST nos próximo dias com os Detalhes, Podcast, Melhores Cenas e muito mais...

Charles Widmore gostaria muito que todos participassem da enquete e dos comentários!!



Grande abraço e namastê!

Leco Leite

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.

 
who"s online

counter hit make

PageRank Free counter and web stats