quinta-feira, 7 de agosto de 2008

O Diário de Faraday e o "futuro" de LOST... Parte 1

Não é segredo para ninguém que visita o blog que eu adoro escrever, procurar entender e explicar as "viagens" sobre a Física que LOST nos apresenta. Não acho que tenha sido um aluno exemplar em Física, e até acho que aprendo mais agora que antes, mas é um tema bacana e que dá chance de debater idéias.
Pensando nisso, resolvi caçar imagens com as páginas do caderninho ou Diário de Daniel Faraday e tentar ver qual relação o que já vimos escrito nele pode ter com os eventos da Ilha.

Temos algumas citações, gráficos, esquemas e fórmulas, muitas fórmulas...

A melhor forma que pensei para fazer isso foi analisando cada uma das imagens e deixando minhas impressões ou alguma pesquisa com link para vocês. Mas vou fazer isso em 2 partes. A "Parte 2" chega nessa Sexta-feira... Prometo!

Página 1 - Gráfico "espaço-tempo"

Essa foi a que mais gostei. Primeiro porque é um simples gráfico, o que facilita para observar o que Faraday tentou demonstrar com ele. Segundo porque tem os números que ele usou para ajustar a máquina que separou Eloise do tempo em "The Constant".
No gráfico uma projeção do espaço-tempo em linhas retas. Sendo a linha contínua a maior diferença entre o espaço e o tempo. A parte interessante é a parábola que cria uma diferença maior que a distância em linha reta. Essa parábola ele chamou de "invariância do espaço-tempo". É uma curva imprevisível e tem relação com a variação do tempo na Ilha, é só lembrar do tempo que o foguete levou para chegar e comparar com o tempo que o helicóptero levou até o cargueiro. Diferentes tempos, o mesmo espaço...


Página 2 - A "Constante"

Apesar de Faraday mandar Desmond o encontrar no passado, o atual Daniel não se lembra do evento. Mas fez uma anotação em seu diário: "Se algo der errado, Desmond Hume será minha constante!".
A memória de Faraday parece não estar muito bem, vimos Charlotte fazendo um teste com ele com as cartas de um baralho. Esse problema seria causado pela exposição a radiação em seu laboratório nos experimentos com Eloise ou Dan está com "efeitos colaterais" de um viajante do tempo!?


Página 3 - Cones de luz!?

Nessa página temos uma citação ao diagrama de Eddington-Finkelstein que fala sobre buracos negros. Tudo envolve luz, e sabemos que a luz é uma onda eletromagnética.
Já tem um tempo, mas eu já escrevi aqui sobre os "cones de luz" e há poucos dias sobre a "Métrica Kerr".
Não será nada surpreendente para mim se a Ilha estiver em um ambiente parecido com um buraco negro gerado pelas próprias características dela.



Tudo muito interessante, tudo muito complexo...

Amanhã, então, vem a "Parte 2" desse post com mais 5 páginas do Diário de Faraday!!
Espero por vocês e pelos comentários...

Grande abraço e namastê!

Leco Leite

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.

 
who"s online

counter hit make

PageRank Free counter and web stats